Bira de Guaratiba: vale a vista

  
   Havia algum tempo que eu queria conhecer este restaurante. Citado em muitos artigos gastronômicos, o Bira fez seu sucesso internacional depois de uma votação realizada pela revista americana “Newsweek” cujo tema foi os 101 melhores restaurantes para se comer no mundo. O restaurante Bira de Guaratiba foi o único carioca que entrou na lista.

   Filho da Tia Palmira, uma das cozinheiras mais famosas da região, Bira mostra que a veia culinária vem de família.

   Para chegar ao restaurante não existem placas ou sequer letreiro. Uma rua residencial que passaria despercebido se não fosse a movimentação de carros estacionados a porta no horário do almoço.



   Ao descer as escadas um salão com umas 30 mesas espalhadas e uma vista maravilhosa.  A verdade mesmo é que na minha opinião vale muito mais a vista por estar ali e com todo aquele clima e visual do que a comida em si.


   As opções não são muitas. Pastéis de entrada e camarões ao alho e óleo e o prato principal diversos tipos de moqueca: de robalo, de cação, de camarão, de frutos do mar.



   Pedimos meia porção de moqueca de cação com camarão que já vem com arroz e farofa de acompanhamento. Mais uma vez achei que a porção era grande para um casal, pois serviam fácil umas três pessoas.






   Sem desmerecer em nada o restaurante, no final tivemos a conclusão de que a fama do Bira de Guaratiba é a viagem, o passeio, a vista da Restinga de Marambaia porque a comida, bom, a comida não é nada assim de tão fora do normal que a Tia Palmira, Tia Penha e as outras tias que conhecemos não saibam preparar.




 Bira de Guaratiba: Caminho da Vendinha, 68 A - Barra de Guaratiba 



Nenhum comentário

Voltar ao topo