Onde comer em Morro de São Paulo

Guido Restaurante - Boipeba
Guido Restaurante - Boipeba
  Em Morro de São Paulo não faltam boas opções na escolha de onde comer bem após (ou durante) um dia de praia. E como vocês já sabem, se tem uma coisa que eu gosto de fazer quando viajo, essa coisa é comer!
   Ir ao nordeste para mim é sempre um deleite. Além da ótima comida, o preço de um belo prato de frutos do mar não é nada comparado aos preços exorbitantes do Rio de Janeiro. 
   Apesar do pouquíssimo tempo da minha estadia em Morro (foram apenas três dias), conheci lugares com comidas deliciosas que só de lembrar já me fazem salivar.

Cantina Barolo


   Uma pequena cantina italiana que pode até passar despercebida para quem anda pela calçada entre as praias segunda e terceira. Mas como tamanho não é documento, eles são o número um no TripAdvisor (não sabe o que é? veja aqui) e fazem mesmo por merecer.

Morro de São Paulo
Cantina Barolo - Morro de São Paulo

   Este foi meu primeiro jantar em Morro de São paulo, mas por mim teria jantado lá todos os outros dias da viagem de tão boa que foi a experiência.
   Comandada por dois italianos, a simpatia é a alma do lugar. Mas vai com calma, desacelera, pois lá a impressão é de que estamos jantando na casa de um velho amigo. 

Entradinhas - Cantina Barolo
   As entradas são cortesia da casa. Pãezinhos com manteiga e pasta de berinjela. O menu muda constantemente, exceto o nhoque que é o que eu posso chamar de carro chefe do lugar.
   Servido com 3 tipos de molho: bolognesa, gorgonzola com calabresa e tomate e manjericão. 

Nhoque - Cantina Barolo
   Eu sou mega fã de nhoque e aprovei demais esse. Massa caseira feita por italianos, melhor do que isso só na Itália rs
   A sobremesa chamada de salame de chocolate tem mesmo aspecto de salame. Feita com massa tipo biscoito e chocolate, é o doce na medida certa para encerrar da melhor forma.

Salame de chocolate - Cantina Barolo
   O que senti falta? Um vinho italiano no lugar do chileno, mas nada que deixasse a desejar esse banquete.

Guido's Restaurante


   Em Boipeba, o restaurante é parada estratégica para quem faz o passeio de volta à ilha. 


   Conhecido pela melhor Lagosta, ir até lá e não provar só mesmo se for alérgico a frutos do mar!
   Pedimos a Lagosta grelhada para dois com arroz e farofa de acompanhamento. Enquanto a Lagosta ia grelhando, apostamos na caipirinha.

   Restaurante pé da areia e de frente para o mar ganha meu coração, se a comida for boa então, ganha meu estômago!rs
   A lagosta veio melhor do que eu esperava. Porção generosa para dois, carne macia e um sabor incrível.

Lagosta do Guido
Lagosta do Guido
   Depois do almoço vale a pena curtir a praia e sua bela paisagem.


Restaurante Pimenta Rosa


   Localizado na quarta praia bem pertinho das piscinas naturais. Eu já tinha ouvido falar de lá e acabamos parando para almoçar quando a chuva chegou forte acabando com nossa "vida boa" nas águas claras e calmas da quarta praia.
   A decoração e a infraestrutura chamam a atenção. Deck de madeira, espreguiçadeiras, chuveiro de água doce... 
   Fui atraída pela porção de acarajé, mas o garçom nos disse que a massa não estava dando o ponto e infelizmente não poderia nos servir. Se você for lá, peça uma porção por mim, tá?

Moqueca de camarão - Pimenta Rosa
Moqueca de camarão - Pimenta Rosa
   Ficamos então apenas na moqueca de camarão com banana da terra acompanhada de arroz e uma porção de massaroca que depois descobri que era pirão haha
   A comida estava boa, mas se é para ser sincera confesso que já comi moquecas melhores. Mas acredito que o ambiente e o serviço no geral foram bons, o que não desagradou.


   Não deixe de pedir uma das caipirinhas de lá. A minha foi de maracujá e estava muito boa.

Papoula Culinária Artesanal


   Difícil de achar, esse restaurante foi a melhor relação custo x benefício de Morro de São Paulo.
Comida caseira, preço muito justo (em torno de R$20,00), e opção de refeição vegetariana.

Papoula Culinária Artesanal
Papoula Culinária Artesanal
   Eu fui de moussaka (prato típico grego feito com carne moída e berinjela) e Hugo de lasanha vegetariana. Porção bem servida com direito a acompanhamentos. Aprovado para quem quer economizar ou fazer um detox após enfiar o pé na jaca se jogar na comida baiana.

Restaurante e Café das Artes


   Este é o restaurante da pousada que ficamos, a Solar das Artes. 
  Optamos por comer no restaurante em um dia que resolveu desabar uma chuva tremenda em Morro. 
  Com opção para quem quer gastar pouco, o restaurante tem um menu de R$35 que inclui salada de entrada + prato principal + sobremesa e suco. 

Camarão no coco verde - Restaurante Solar das Artes
Camarão no coco verde - Restaurante Solar das Artes
   Além desse menu super justo há também outras opções e um prato estrelado que venceu um concurso de gastronomia em algum lugar que não lembro o nome. O nome da iguaria era Camarão no coco verde, servido dentro do coco mesmo gente! Esse foi o prato do Hugo, mas eu roubei várias garfadas. haha

Reservas

   Gostou das dicas desse post? Então quando for fazer a reserva do seu hotel, carro ou seguro viagem, faça aqui com a gente! Você não vai pagar nada a mais e ainda vai dar aquela forcinha pra gente manter o blog.




Leia Também


Como chegar em Morro de São Paulo na Bahia

Roteiro de Viagem: Salvador - 1ª dia - Praia da Barra e Rio Vermelho

Roteiro de Viagem: Salvador - 2ª dia - Pelourinho

Roteiro de Viagem: Salvador - 3º dia - Praia do Forte






Voltar ao topo